23 de jun de 2013

MODA: Os melhores looks da Semana de Moda Masculina de Londres (Primavera/Verão 2014) - Parte 2

Continuando a falar da Fashion Week de Londres, ocorrida no comecinho da semana passada, dando largada à temporada de moda masculina europeia (aguardem o review de Paris e Milão), vamos dar uma espiada nos outros 3 desfiles que chamaram a atenção dos ingleses. A começar pela americana Rag & Bone, que apostou na alfaiataria com ar mais descontraído e esportivo.


Rag & Bone não quis ousar muito nas cores, preferiu ficar nas gamas favoritas dos homens, isto é, muito preto, branco e azul, além do cinza (uma de minhas cores favoritas, a propósito). Os tecidos confortáveis dividiam a passarela com algumas peças aparentemente resinadas, conferindo um pouco de "futurismo" a alguns looks. Tudo simples, sem grandes frufrus, e por isso mesmo elegante, comprovando que "menos é mais".


Aí a Topman chega e entrega um dos desfiles mais lindos da temporada, com sua alfaiataria menos sequinha, mais solta no corpo, fazendo esse belo jogo visual com as calças parecendo flutuar. Tecidos metalizados de seda nas camisas, com padronagens que fazem pensar nos caubóis dos westerns antigos, só que de forma estilizada, com flores bordadas na altura dos ombros e peito. Os óculos espelhadas deram um arremate perfeito à coleção.


Por último, o que falar da mostra realizada pela grife Alexander McQueen? Foi de longe a mais ousada, por brincar com a androginia: os modelos ora calçavam sapatilhas com aparência feminina, ora vestiam conjuntos com enormes rendas florais costuradas por cima, e até mesmos os ternos eram acinturados.

Quando se olha os tecidos de perto são de uma beleza ímpar, sem dúvida, mas claro que são figurinos pouco comerciais (ao menos para a maioria dos homens). De qualquer modo, não se pode negar o incrível trabalho nas composições da marca, respeitando o estilo/conceito consolidado pelo falecido McQueen.

Fotos: reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário