10 de jan de 2013

MODA: O melhor da Semana de Moda de Londres (Outono/Inverno 2013) - Parte 2

Confira a 2ª parte do apanhado com o melhor da Fashion Week masculina de Londres (a 1ª parte foi ontem). O que deu pra notar é que os tons fortes, como tangerina, pink e vermelho-sangue, vieram com força nos desfiles, fazendo companhia aos tons escuros habituais e predominantes nas coleções Outono/Inverno (preto, marrom, cinza, etc.).


As grifes de Christopher Raeburn e Nicole Farhi optaram por mostrar looks mais prêt-à-porter, com jaquetas e casacos mais esportivos, cardigans e blusas de tricô. Na mostra de Raeburn houve espaço até para calças de moletom e o tradicional jeans. Farhi ficou nos trajes mais despojados e clássicos, com calças de alfaiataria em corte reto e sem vincos. 


No último dia do evento, algumas surpresas: as coleções extravagantes de Katie Eary, que brincou com as estampas florais num fúcsia vibrante e em tamanho gigantesco, e de J.W.Anderson, que fez muita gente torcer o nariz para os vestidos estruturados (isso mesmo, vestidos!) e das botas até o joelho que os modelos tiveram de desfilar.

A outra surpresa, porém, foi bastante agradável. A coleção de Oliver Spencer, eleita a favorita deste blog, deixou de lado a alta-costura e colocou mais prêt-à-porter nas passarelas, com sobretudos de couro, acessórios simples e elegantes, blazers com corte mais largo (o slim persistiu nas demais marcas) e cores discretas mescladas a pequenos toques de cores vibrantes. Uma harmonia que faltou no restante das coleções.


Seria o público masculino menos atento a detalhes artísticos, preferindo ver roupas mais trajáveis nas passarelas? Ao menos para mim só funciona assim...

Fotos: reprodução

6 comentários:

  1. Pierre:

    Peças lindas e super usáveis, mas o que vem a ser aquela alegoria de escola de samba da tal Katie Eary??? Helloooo, né colega..hahahaha.

    Abraços querido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem peças que definitivamente só servem pra passarela ou pra foto. Impossível usar esse look, a menos que a pessoa seja famosa pela excentricidade - rs.
      Abraço, Edilson

      Excluir
  2. Bastante coisa legal, e fácil de imaginar na rua.
    Gostei das cores, super combinam com o inverno.
    Abraços!

    Senhor do Século | Beleza para Homens|Sorteios

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. È como falei com um amigo: no guarda-roupa masculino não tem como ousar demais nas peças e cores, senão eles não compram. Fica "intrajável" - rs.
      Abração, Dimas, e obrigado pela visita

      Excluir
  3. Essas, ao contrario da anterior ficaram legais(menos as flores, obvio!!!). Acho que ficar na real sem muita extravagancia faria mais sucesso!!!...mas é só uma opinião, claro!
    Beijos Pierre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo. Eu tbm prefiro ver coleções prêt-à-porter às de haute couture. Os estilistas estão ali para mostrar coisas novas, tendências, cores, tecidos, etc., não necessariamente coisas que sejam para vestir igualzinho, mas para expôr conceitos e ideias. No entanto, eu me inspiro mais vendo roupas que consigo me imaginar usando.
      Bjss, Margot, e obrigado pela visita

      Excluir